Um pouco sobre mim...

Minha foto

Sou alguém que se encanta pela vida no dia a dia, descobrindo sempre novas formas de agir, se melhorando e tentando melhorar o seu redor. Acreditando que a Luz está dentro de cada um e que ela deve iluminar sempre a caminhada. Tenho como intenção: fazer amigos, aperfeiçoar a vida, dedicar-me às boas obras, promover a verdade e reconhecer nos semelhantes meus irmãos de caminhada. Descobrindo sempre mais e mais de vários mundos: Mundos terapêuticos, ideais, sustentáveis, mágicos, de Paz...

24 de jul de 2009

Oligoterapia no auxílio dos distúrbios do sistema articular

A oligoterapia atua muito bem no tratamento de doenças dos ossos, das articulações e das inflamação que pode afetar pessoas diferentes, desde o esportista ao ancião.

Para a deformação que ocorre na infância e puberdade, como na escoliose (que pode ser considerada como distrofia), são utilizados os oligoelementos: manganês, cobre, e por vezes cobre-ouro-prata.

A síndrome da dor fugaz, que afeta as articulações e não tem um local anatomicamente preciso, é característica da carência de manganês.

A artrose, doença degenerativa que afeta pessoas com idade superior a 40 anos, é tratada com cobalto e manganês.

Se o cliente é igualmente sujeito a exaustão física, será útil a administração dos oligoelementos cobre-ouro-prata.

Quando ocorrem contraturas musculares geralmente existe carência do oligoelemento fósforo.

No processo inflamatório a carência a ser suprida deve ser dos oligoelementos: potássio e magnésio.

Reumatismo inflamatório em suas várias formas são o resultado de toxinas que são depositadas nas articulações, produzindo o foco inflamatório. Portanto, a administração de cobre-ouro-prata, estimula o organismo a defender-se.

Nos casos crônicos, devemos acrescentar os oligoelementos manganês e cobre.

Traduzido do site: http://guide.supereva.it

Faça uma Análise de suas carências minerais e revigore-se!!!
Essa análise pode ser presencial ou por e-mail

Nenhum comentário: