Um pouco sobre mim...

Minha foto

Sou alguém que se encanta pela vida no dia a dia, descobrindo sempre novas formas de agir, se melhorando e tentando melhorar o seu redor. Acreditando que a Luz está dentro de cada um e que ela deve iluminar sempre a caminhada. Tenho como intenção: fazer amigos, aperfeiçoar a vida, dedicar-me às boas obras, promover a verdade e reconhecer nos semelhantes meus irmãos de caminhada. Descobrindo sempre mais e mais de vários mundos: Mundos terapêuticos, ideais, sustentáveis, mágicos, de Paz...

28 de abr de 2017

SOBRE A OLIGOTERAPIA


Oligoelementos são formas de minerais bio-disponíveis que são rapidamente absorvidas pela pele para apoio terapêutico, complementando os minerais necessários às corretas funções enzimáticas.

Estes elementos bio-disponíveis trabalham normalizando as enzimas e as funções hormonais a fim de regular a homeostase do corpo.

Oligos em grego significa " uma quantidade muito pequena ". 
Oligo-elementos, ou oligoelementos, são doses muito diminutas de minerais. 
A maioria dos minerais provém de metais, exceto cálcio, flúor, magnésio, fósforo, potássio, selênio e enxofre, que são metalóides (não metálicos).

Oligoterapia é um método de fornecer o corpo com os íons que não pode sintetizar e que são indispensáveis ​​para funções enzimáticas celulares. 

Esta modalidade terapêutica funcional requer a utilização de oligoelementos em pequenas doses, precisamente medidas, numa forma altamente biodisponível. 
Estes oligoelementos são co-fatores em uma multiplicidade de reações bioquímicas onde aceleram a velocidade dessas reações sem modificar o equilíbrio importante que existe e que deve reinar dentro do corpo para manter a saúde ótima.

Gabriel Bertrand, químico e biólogo francês, identificou esses cofatores enzimáticos há cerca de 100 anos e os chamou de elementos "oligo". 
Mais tarde, o médico francês Jacques Menetrier demonstrou que os oligoelementos poderiam ser usados ​​no tratamento de disfunções bioquímicas. 

A Oligoterapia é amplamente reconhecido em toda a Europa como uma modalidade poderosa para o tratamento de uma infinidade de doenças, algumas das quais incluem infecções bacterianas, doenças cardiovasculares, infecções respiratórias, distúrbios circulatórios e condições neurológicas.


BENEFÍCIOS DA OLIGOTERAPIA

A experiência clínica demonstrou que a Oligoterapia pode ser utilizada para melhorar o bem-estar, e que os benefícios incluem:


- Serve como catalisadores biológicos que ativam o metabolismo e a função enzimática no nível celular
- Fornece nutrição essencial para parar a atividade de radicais livres que destrói tecidos corporais
- Melhora o movimento de íons para dentro e para fora das células
- Remove metais pesados ​​e reduz a toxicidade no tecido conjuntivo
- Normaliza as funções enzimáticas e hormonais para regular a homeostase do corpo
- Suporta coagulação do sangue, funções rítmicas do coração e intestinos, por exemplo cálcio
- Regula o sistema nervoso simpático e parassimpático, por exemplo , cobalto
- Controla a permeabilidade da membrana, a contração muscular, a condição do impulso nervoso e a regulação da síntese proteica, por exemplo magnésio.

COMO FUNCIONA ...

Quase todas as reações biológicas requerem enzimas (catalisadores biológicos), a fim de ocorrer nas taxas que o corpo necessita para a saúde e sobrevivência.

Muitas enzimas dependem de cofatores minerais específicos para o bom funcionamento. Estes minerais precisam estar presentes em concentrações extremamente baixas, mas são absolutamente vitais para a biorregulação. 
Estas formas biodisponíveis de minerais de traço (oligoelementos) são absorvidas rapidamente e trabalham normalizando a enzima e as funções hormonais a fim regular a homeostase no corpo.

Fornecer esses cofatores minerais necessários em concentrações precisas desbloqueia vias metabólicas doentes, permitindo assim que o mecanismo de cicatrização do corpo funcione. 
Os oligoelementos também podem preparar o paciente para responder mais rapidamente e com êxito a outras modalidades médicas.

Os oligoelementos ionizados utilizados na Oligoterapia incluem bismuto, cobalto, flúor, cobre, cromo, iodo, lítio, magnésio, manganês, molibdênio, fósforo, potássio, selênio, enxofre e zinco (bem como várias combinações). 

Estes suplementos possuem baixas concentrações de elementos especialmente preparados que são vitais para a regulação de várias funções enzimáticas. 

Esses " oligoelementos" (minerais traços) quando administrados trabalham no nível celular para fornecer co-fatores minerais necessários em concentrações precisas para desbloquear vias metabólicas doentes, permitindo assim que os mecanismos de cicatrização do corpo operem.

Manter o equilíbrio correto de oligoelementos em todo o organismo é essencial para a função enzimática, e uma deficiência em qualquer elemento pode levar a um distúrbio funcional. 

Os oligoelementos podem ser encontrados em alimentos, mas também em gel manipulado especificamente para suas necessidades. Recomenda-se aplica-lo diariamente nos pulsos. Desta forma, os oligoelementos são absorvidos diretamente na corrente sanguínea e podem regular seu sistema enzimático imediatamente.

Traduzido e adaptado de https://innovativemedicine.com/solutions/oligotherapy/

Nenhum comentário: