Um pouco sobre mim...

Minha foto

Sou alguém que se encanta pela vida no dia a dia, descobrindo sempre novas formas de agir, se melhorando e tentando melhorar o seu redor. Acreditando que a Luz está dentro de cada um e que ela deve iluminar sempre a caminhada. Tenho como intenção: fazer amigos, aperfeiçoar a vida, dedicar-me às boas obras, promover a verdade e reconhecer nos semelhantes meus irmãos de caminhada. Descobrindo sempre mais e mais de vários mundos: Mundos terapêuticos, ideais, sustentáveis, mágicos, de Paz...

30 de jan de 2013

OLigoterapia - A Medicina Funcional e PREVENTIVA!!!

 As causas mais freqüentes das carências minerais no metabolismo são o stress, a poluição sonora e ambiental, a alimentação desequilibrada, falta de lazer, excesso de responsabilidades e a pouca importância (culturalmente falando) em preservar a saúde em seu aspecto global: física, mental, energética e por que não dizer, também espiritual.

Na questão dos alimentos, as culturas intensivas, que proporcionam as adubações químicas, são as principais causadoras das carências de sais minerais nos vegetais que comemos, assim como das carnes que não nos fornecem certos elementos porque, por sua vez o gado não teve matéria para os sintetizar.

O que acontece em nosso metabolismo é que determinado oligoelemento está ausente, ou seja, EXISTE a sua carência, o que impede que o determinado órgão desempenhe a sua função, alterando assim o equilíbrio do estado de saúde. 

Para auxiliar na recuperação do estado de saúde, podemos e devemos recorrer aos oligoelementos que são sais minerais, em doses infinitesimais como cobre, ferro, iodo, cobalto, magnésio, manganês, etc., que nessas diluições assemelham-se ao estado natural dos elementos no organismo e quando introduzidos através das aplicações tópicas do gel individualizado, vão desencadear as reações que permitem o restabelecimento do metabolismo.

A grande vantagem dos oligoelementos reside na dosagem infinitesimal, que os coloca ao abrigo do perigo de toxicidade. São absorvidos pela pele e pela linfa são levados diretamente ao circuito sanguíneo, que os conduz ao local da carencia onde se fixam e desempenham sua importante função.

Estatísticas européias e nomeadamente portuguesas obtidas na medicina do trabalho em grandes empresas, indicam que 70% das causas de baixa por doença são de origem funcional e os restantes 30% são doenças por lesão que evidentemente continuam sendo funcionais, visto que tal está na sua origem.

A Oligoterapia tal como a conhecemos neste momento é essencialmente preventiva sendo muito embora em certos casos também curativa.

Ela é também complementar das outras terapêuticas sejam alopática, homeopática ou outras.
Assim, por exemplo, se ao administrar um antibiótico for também indicada uma associação de Cobre-Ouro-Prata, o metabolismo reagirá mais rapidamente e a dose de antibiótico necessária será menor e por menos tempo; porque foram estimuladas as defesas orgânicas naturais.


texto copiado de http://www.nutriscience.com.br
adaptado por Mirhyam

Nenhum comentário: