Um pouco sobre mim...

Minha foto

Sou alguém que se encanta pela vida no dia a dia, descobrindo sempre novas formas de agir, se melhorando e tentando melhorar o seu redor. Acreditando que a Luz está dentro de cada um e que ela deve iluminar sempre a caminhada. Tenho como intenção: fazer amigos, aperfeiçoar a vida, dedicar-me às boas obras, promover a verdade e reconhecer nos semelhantes meus irmãos de caminhada. Descobrindo sempre mais e mais de vários mundos: Mundos terapêuticos, ideais, sustentáveis, mágicos, de Paz...

21 de jun de 2012

Dicas de Inverno

Dicas de atitudes e alimentos para curtir a estação mais fria do ano.

Não tem como negar, no inverno dá uma preguiça de sair da cama, de enfrentar o "mundo lá fora"... a gente quer ficar em casa, comer coisinhas gostosas e quentinhas e curtir o silêncio...
Pois saiba que, segundo as tradições orientais, o inverno é o momento de contato com as nossas profundezas, com a nossa alma, é hora de observarmos e aprendermos com os valores espirituais.
O inverno é a fase do armazenamento, do desenvolvimento interno, da introspecção, do silêncio, da escuta...
Por isso, no inverno, a regra é:
Seguir o movimento de introspecção.
Deixar o nosso mundo interior se desenvolver e as atitudes externas se manifestarão na medida do necessário para a preservação das nossas conquistas.
O silêncio é bem-vindo e deve ser observado.
Fique mais consigo mesmo, ouça mais a batida do próprio coração.
É o momento de deixar o corpo mais quieto.
Dormir mais cedo e acordar mais tarde.
É tempo do repouso para que o corpo renasça vigoroso na próxima primavera.
Ficar mais em casa, arrumar as gavetas, colocar ordem em seus guardados, na própria vida, nos sentimentos, nas lembranças...

O que comer no inverno?

Proteínas animais: carnes, aves, peixes, frutos do mar, cordeiro e porco.
Hortaliças: só aquecidas ou em sopa, com a adição de temperos de natureza morna ou quente.
Cereais e leguminosas: arroz (branco ou integral), milho, massa (farinha branca ou integral) e feijões.
Raízes e tubérculos: aipim, inhame, batatas, cenoura e beterraba cozidas.
Chás: lótus, artemísia, dente de leão, café, ginseng, cravo, canela, capim-limão e erva-doce.
Temperos: mornos e quentes devem estar presentes diariamente para ajudar a circular a energia. Pimentas de todos os tipos, alho, alho-poró, cebola, noz-moscada, gengibre, coentro, salsa, cebolinha e curry devem ser mais usados no preparo das carnes, das sopas e dos cozidos.
Evitar: ingerir alimentos com muita água e de temperatura fria. Semente de gergelim preto, mostarda e papoula.

Nenhum comentário: