Um pouco sobre mim...

Minha foto

Sou alguém que se encanta pela vida no dia a dia, descobrindo sempre novas formas de agir, se melhorando e tentando melhorar o seu redor. Acreditando que a Luz está dentro de cada um e que ela deve iluminar sempre a caminhada. Tenho como intenção: fazer amigos, aperfeiçoar a vida, dedicar-me às boas obras, promover a verdade e reconhecer nos semelhantes meus irmãos de caminhada. Descobrindo sempre mais e mais de vários mundos: Mundos terapêuticos, ideais, sustentáveis, mágicos, de Paz...

16 de fev de 2012

Oligoterapia e crianças


Na Espanha, nascem em um ano quase meio milhão de
crianças e as crianças menores de 9 anos representaram 
quase 4% da população. Sabe-se que a Oligoterapia é uma solução eficaz 
para as doenças da infância.
                                              
Tenha em mente que a Oligoterapia  é uma terapia 
que procura restabelecer o estado de saúde através de mecanismos
fisiológicos, de forma totalmente desprovida de contra-indicações
e efeitos colaterais, por isso torna-se uma terapêutica ideal para ser   
utilizada na infância.
Além disso, nas crianças, a eficácia da administração dos 
oligoelementos é ainda maior do que nos adultos, uma vez que os 
mecanismos que conduzem à disfunção celular são sempre mais 
recente e de reparação mais fácil.
Descobrimos, portanto, uma terapia eficaz e sem contra-indicações
que pode ajudar no tratamento das doenças da infância.
A maior dificuldade enfrentada pelos pais é a hora da medicação!! 

Na  Oligoterapia via derme, basta passar um pouquinho do gel 
com os oligoelementos nos pulsos da criança e pronto! 
Já estará com suas carências supridas!! (adendo Mirhyam)

  Discutiremos  a seguir algumas doenças comuns em crianças, que 
podem ser tratadas com sucesso com Oligoterapia.
 
Gastroenterite
Durante os meses de verão, é uma ocorrência muito freqüente a gastroenterite em 
crianças e adultos.  
Além disso, as consequências podem ser piores nos pequenos, uma vez que 
são mais susceptíveis de sofrer desidratação, devido as temperaturas elevadas do 
verão.
A gastroenterite de verão geralmente é de origem viral e o principal tratamento é a
hidratação adequada do paciente e uma dieta adequada.              
Nessa situação a indicação dos oligoelementos  cobre-ouro-prata, por 15 dias 
ou até que a recuperação total do estado geral do paciente.
 
Irritação da pele
A pele das crianças é muito delicada, por isso muitas irritações comuns aparecem:  
dermatite, etc ....
Neste sentido, o oligoelemento que pode atuar para melhorar a qualidade da
pele e das membranas mucosas, é o enxofre.                                   
 A administração do oligoelemento enxofre deve ser feita em crianças com 
problemas de pele particularmente sensível
Aplicar o gel contendo enxofre 3 vezes por semana durante 2 ou 3 meses. 

Dor de garganta
Infecções respiratórias em crianças sempre parecem se relacionar com o inverno ou 
no outono.
Também é verdade que durante o verão,  pelo consumo de bebidas frias e gelados,
algumas infecções também são comuns nas vias aéreas respiratórias, especialmente 
na forma de faringite e amigdalite.
Em qualquer caso, os oligoelementos podem ajudar a resolver  como se segue:
 
Pela manhã  aplicar gel contendo cobre-ouro-prata (adaptação ao modo como prescrevo a Oligoterapia - Mirhyam)
 
3 vezes ao dia aplicar gel contendo bismuto
 
Continuar este tratamento até que os sintomas tenham desaparecido, quando o gel 
com bismuto deve ser suspenso, e  
continuar com uma aplicação matinal do gel com Cu-Au-Ag três 
vezes por semana durante 1 semana.
 
Muitas outras doenças da infância podem ser tratadas com oligoelementos, aqui 
quisemos fornecer uma pequena amostra de sua importância.
Também queremos realçar o importante papel preventivo dos oligoelementos e como 
eles podem ser utilizados não só durante o início da doença, mas também para regularizar o campo anômalo que tenha sido detectado em crianças.
                                                                                                       
Texto traduzido e adaptado por Mirhyam
Autor: Maria Magdalena Moreno Mejias - texto copiado de Saber Arternativo      






  

Nenhum comentário: