Um pouco sobre mim...

Minha foto

Sou alguém que se encanta pela vida no dia a dia, descobrindo sempre novas formas de agir, se melhorando e tentando melhorar o seu redor. Acreditando que a Luz está dentro de cada um e que ela deve iluminar sempre a caminhada. Tenho como intenção: fazer amigos, aperfeiçoar a vida, dedicar-me às boas obras, promover a verdade e reconhecer nos semelhantes meus irmãos de caminhada. Descobrindo sempre mais e mais de vários mundos: Mundos terapêuticos, ideais, sustentáveis, mágicos, de Paz...

21 de fev de 2012

Auriculoterapia


Auriculoterapia é uma técnica da Medicina Tradicional Chinesa  reconhecida e aprovada pela OMS (Organização Mundial de Saúde) desde 1990 e utilizada para o diagnóstico e tratamento da doença através da estimulação de pontos de energia específicos localizados na orelha, a fim de tratar várias doenças, incluindo a dor.

As primeiras referências à Auriculoterapia foram encontradas na China, em livros de medicina, em que a orelha é considerada não como um órgão isolado, mas com relação ao resto do corpo.

Esta técnica foi estudada em 1951 pelo médico Dr. Paul Nogier, em Lyon, que constatou que quando cauterizava  certos pontos do ouvido, aliviava a dor ciática.
Devemos a ele os mapas mais usados ​​hoje e nele reconhecemos mais de 200 pontos relacionados a diferentes áreas do corpo.
Considere que o ouvido tem alguma semelhança com a forma que o feto dentro do útero.
E com base nesta posição invertida foi criado o mapeamento fetal com a reflexologia da orelha.

Há muitas indicações para a Auriculoterapia, destacando:

Transtornos de ansiedade, insônia ou depressão
Asma brônquica ea rinite alérgica
Neuralgia: ciática, trigêmeo, pos-amputação de um membro, neuralgia pós-herpética
Problemas digestivos como gases, prisão de ventre, gastrite vômitos, ...
Problemas menstruais
Transtornos alimentares: obesidade, anorexia, bulimia, regulação do apetite
Em vícios: álcool, tabaco e outras drogas
E especialmente para sedação da dor aguda na cabeça, entorses, dor ciática, lombalgia, tendinite, etc

Como é o tratamento no ouvido?
Primeiro localiza-se os pontos reflexos que correspondem à área doente.
É notável que, ao contrário de acupuntura, os pontos auriculares são detectados apenas quando há dor ou patologia.
Em seguida, procede-se  à estimulação desses pontos usando diferentes técnicas:
-Massagem Manual dos pontos doloridos, ideais para crianças
-Laseracupuntura
-Ímãs,
-Agulhas semipermanentes
-Moxabustão para aquecer a agulha ou diretamente sobre a área doente
- Pequenas pérolas de metal com um adesivo que pode ser pressionado várias vezes por dia.
- sementes de mostarda quando as agulhas não podem ser utilizadas devido a reação alérgica.

A orelha é um dos mais locais de fácil acesso e de tratamento, de modo que a terapia é bastante simples, fácil de usar e requer pouco tempo.

Esta terapia pode ser usada sozinha ou como um adjuvante de outras terapias.
Autor: Otilia Quireza


Técnica realizada na região auricular onde existem mais de 120 pontos em cada orelha, pois se diz que existe, nesta região, o cruzamento da grande maioria de meridianos.
Esta técnica é usada pelos chineses há mais de 5000 anos.
Do desequilíbrio energético surgem as moléstias, que são tratadas pela estimulação em pontos específicos na orelha.
Pode ser feita por raio laser, sementes, esferas ou micro-agulhas.
Hoje se utilizam agulhas, laser e corrente elétrica.
Auxilia no tratamento de tabagismo, alcoolismo e patologias comuns cefaléias, insônia, ansiedade, depressão, dores articulares, alergias, obesidade, vícios, alergias em geral, etc.
Acupuntura é uma ciência milenar chinesa que vem ganhando respeito progressivo dentro da comunidade médica.
Atualmente conhecemos o funcionamento da Acupuntura, facilitando a compreensão de como a estimulação de determinados pontos do corpo através da inserção de finas agulhas (além de outros estímulos, como radiação laser, eletricidade ou calor) atua no organismo.
Já foi comprovado que o ponto de Acupuntura nada mais é que uma região da pele rica em terminações nervosas.
Estas, quando estimuladas, enviam informações ao cérebro, onde são processadas.
Como o cérebro controla praticamente todas as funções orgânicas, não é difícil entender o funcionamento da Acupuntura.
Uma comparação que podemos fazer é com o computador.
Os pontos de Acupuntura seriam as teclas, onde introduzimos as informações, e o cérebro seria a CPU, onde estas são processadas.
A Acupuntura é comprovadamente eficaz no combate de diversas doenças, mas também pode ser utilizada como preventiva.
Já foi demonstrada a ação da Acupuntura no sistema imune (que controla a resistência orgânica às doenças) e no tratamento da ansiedade e da depressão.
Para o tratamento de qualquer doença, são necessários um diagnóstico e o conhecimento profundo da patologia.
A aplicação das agulhas no organismo requer o estudo detalhado da anatomia.
As agulhas utilizadas devem ser agulhas descartáveis.



Nenhum comentário: